RI-FJP  Centro de Estudos de Políticas Públicas (CEPP)  CEPP – Artigos de periódicos 

Utilize o seguinte identificador para referenciar este item:
http://www.repositorio.fjp.mg.gov.br/handle/123456789/57

Título: A falácia da interpretação da cultura como texto
Título alternativo: The fallacy of interpreting culture as a text
Autor: Batitucci, Eduardo Cerqueira
Freitas, Renan Springer de
Afiliação: Fundação João Pinheiro
Fundação João Pinheiro
Data: 1997
Descritores: Cultura
Antropologia
Etnologia
Etnografia
Keywords: Culture
Anthropology
Ethnology
Ethnography
Resumo: Este artigo discute a pertinência do Projeto Interpretativo de Clifford Geertz, cuja proposição central é a de que a cultura deve ser entendida como se fosse um texto. Revisitando exemplos do próprio Geertz, argumenta-se que eles podem ser melhor compreendidos recorrendo-se à concepção convencional de ciência que Geertz rejeita.
Abstract: This article discusses the merits of Clifford Geertz's Interpretative Project, the central claim of which is that culture should be viewed as a text. Revisiting Geertz's own examples, it is argued that they are better understood by the conventional science that Geertz rejects.
Referência: FREITAS, Renan Springer de; BATITUCCI, Eduardo Cerqueira. A falácia da interpretação da cultura como texto. Lua Nova. 1997, n.40-41, p. 267-288.
ISSN: 0102-6445
DOI: 10.1590/S0102-64451997000200012
Aparece na(s) coleção(ções):CEPP – Artigos de periódicos

Arquivos deste item:

Arquivo Descrição TamanhoFormato
A Falácia da Interpretação da Cultura como Texto.pdf1,12 MBAdobe PDFVer/Abrir
Visualizar estatísticas

Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons

Creative Commons

Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.